Semanas atrás, durante um atendimento, a cliente  notou que eu uso muito a palavra ‘curadoria’ e comentou WhatsApp Image 2019-07-24 at 10.32.12 que esta é uma palavra antiga.

De fato é.

E eu digo também: pra falar de futuro, nós temos que visitar o passado. Foi lá onde o criamos!
.

Curar (no sentido de filtrar / selecionar), é mandatório para quem quer ser produtivo e precisa encontrar o relevante em meio a tanta informação que se consome. E já há mais informação produzida que a nossa capacidade de consumir.
.

Existem no mercado empresas criando suas próprias ‘matrizes de curadoria’, ensinando seus colaboradores a criarem filtros de consumo para obterem melhores resultados.Prática essa que precisará chegar às escolas, já que as próximas gerações chegam em meio a essa overdose. .

A dualidade da informação é ser ao mesmo tempo, ouro e commodity. .

Das escolhas, encontraremos nosso lugar de fala. De maneira pessoal e individualizada, até porque, NÃO há receita pronta para se ter algo como a produtividade.

Escolhas, mais do que nunca, modelam sua marca pessoal e te referenciam não só pelos resultados, mas pelos caminhos que você constrói. .

Somos um quadro branco decidindo, o tempo todo, que histórias os outros vão ler ali.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s